A Ilha do Medo - Dennis Lehane


A Ilha do Medo - Dennis Lehane


Oi gente!

O livro de hoje é A Ilha do Medo, livro que inspirou o filme de mesmo nome estrelado por Leonardo DiCaprio em 2010.

A trama, é um suspense policial cheio de mistério e gira em torno de uma instituição para doentes mentais, em uma ilha, as pessoas que vivem nesse lugar são criminosos com todo tipo de transtorno mental, que ficam reclusos da sociedade passando por diversos tratamentos, enquanto cumprem pena por seus crimes. 

O nome do lugar é Hospital Psiquiátrico Ashecliffe. O xerife Teddy e seu novo parceiro Chuck, vão até a ilha para investigar o desaparecimento de uma das internas de Ashecliffe, mas, muitos mistérios começam a surgir ao longo da investigação, revelando que a ilha tem muitos segredos a serem desvendados.

Essa é a premissa do livro, dois policiais tentando solucionar um caso e encontrando muito mais coisas do que esperavam. E isso é tudo que posso revelar.

O livro tem uma narrativa um pouco monótona, não chega a ser cansativo, nem maçante, mas não é repleto de ação, a maior parte dele são teorias que vão pouco a pouco se formando, mas isso não estraga a experiência, apenas pode incomodar um pouco aqueles leitores que gostam de muita adrenalina em suas leituras.

A construção de todo o universo da ilha e os personagens é muito bem feita, o autor tem muito cuidado com todos os alinhavos e as pistas ao longo do livro, vão dando pequenas amostras do que está rolando nesse lugar misterioso. 

É um livro bastante rápido de ler, instigante em alguns pontos e um pouco lento em outros, mas essas mudanças rolam de forma fluída e não atrapalham o desenvolvimento. 

Como todo bom mistério cerca de 80% do livro trata-se de ambientação, passeios pela ilha, cenas com conteúdos ocultos, que te fazem querer montar um daqueles quadros de provas e criar teorias do que pode ser o mistério principal. Os personagens, são muito bem construídos,  vão especulando coisas e te levando junto em suas linhas de pensamento, você vai sacando o caráter de cada um, tentando descobrir os segredos deles e os motivos de agirem como agem, sem dúvida é um livro que deixa um pouco paranoico, mas é isso que ele tem de melhor. 

No final os últimos 20% do livro são voltados as explicações, aqui todos os mistérios são revelados e essa parte dá um PT no seu sistema operacional (vulgo mente).

É um livro muito bem construído, tem um enredo que prende e um final que não decepciona, então se gosta de mistérios, conspirações e perfis psicológicos é uma ótima opção de leitura, vai fundo que provavelmente vai curtir.

A dica, na minha opinião, é que leia o livro antes de assistir o filme, eu infelizmente, já tinha assistido o filme quando li e sabia como a trama ia se desenrolar, logo, não fiquei muito animada com o livro, mas é porque eu já sabia, não tinha o elemento surpresa que é o "grude" que te mantém vidrado no livro, então leia primeiro e depois vai conferir o filme que eu achei muito bem adaptado, tem toda a essência e excelentes interpretações também.

Isso é tudo pessoal, fico por aqui e até a próxima.






Lila Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é importante para o nosso feedback, sugestões sempre serão muito bem vindas, mas por gentileza, não deixe comentários maldosos ou grosseiros, criamos nosso conteúdo com carinho, respeite nosso trabalho.